Guia docente 2014_15
Facultade de Filoloxía e Tradución
Grao en Tradución e Interpretación
 Materias
  Tradución idioma 2, III: Alemán-Galego
   Competencias de materia
Resultados de aprendizaxe Tipoloxía Competencias
Aprofundar o conhecimento das duas línguas de trabalho, alemám (Idioma II) e galego (Língua I), sobretodo nos níveis lexical, morfossintático e textual. Adquirir noçons sobre a comunicaçom especializada, as suas esferas funcionais e os seus registos, e, nomeadamente, sobre os textos destinados à socializaçom do conhecimento técnico-científico e a sua releváncia para a traduçom alemám-galego. Conhecer os aspetos contrastivos e tradutivos que dim respeito aos géneros textuais e às discordáncias interculturais na traduçom dos textos destinados à socializaçom do conhecimento técnico-científico.
saber
A3
A4
B2
B22
Ser-se capaz de habilitar autónoma e eficazmente, do modo mais natural e económico, o léxico e a morfossintaxe típicos das línguas especializadas (técnico-científicas) em idioma galego, o que requer o desenvolvimento de destrezas de leitura e exploraçom de textos especializados redigidos em luso-brasileiro.
saber
saber facer
A3
A4
A5
A8
A14
A17
B7
B15
B22
Ser-se capaz de reconhecer no texto-fonte composto em alemám, e em relaçom à língua e à comunidade sociocultural galegas, as estruturas lexicais e morfossintáticas e os traços textuais e culturais que, no quadro da correspondente traduçom instrumental, se revelarám críticos ou problemáticos.
saber
saber facer
Saber estar / ser
A2
A3
A4
A17
A28
B12
B15
B16
B22
Ser-se capaz, autónoma e eficazmente, de detetar e analisar problemas tradutivos e de aplicar as pertinentes estratégias tradutivas no quadro da traduçom instrumental para galego de textos compostos em alemám pertencentes aos diversos (sub)géneros textuais técnico-científicos destinados ao ensino, à divulgaçom e à instruçom prática vinculada à comercializaçom de produtos.
saber
saber facer
A3
A4
A17
A22
B7
B12
Ser-se capaz de utilizar com proveito as diversas fontes de informaçom e ferramentas de trabalho de que hoje dispom o tradutor profissional, tanto as tradicionais como as enquadradas nas TIC.
saber
saber facer
A3
A4
A5
A8
A14
A17
B5
B6
B7
Fomentar a curiosidade intelectual e o espírito crítico em relaçom ao uso das línguas, bem como desenvolver um conceito profissional da atividade tradutiva, conforme o qual o tradutor age como mediador cultural orientado por princípios deontológicos e de qualidade.
saber
Saber estar / ser
A4
A9
A28
B8
B12
B22
Universidade de Vigo            | Reitoría | Campus Universitario | C.P. 36.310 Vigo (Pontevedra) | España | Tlf: +34 986 812 000